(83) 3221-0160 / 9316-8181 - Av. Primeiro de Maio 720, Jaguaribe - João Pessoa-PB
twitterfacebookgoogleyoutuberss

Servidores de Itabaiana quebram silêncio e após algumas tentativas de diálogo – sem sucesso – com a Reitoria, pedem a saída do Diretor Geral do Campus. • Confira a nota.

Servidores de Itabaiana quebram silêncio e após algumas tentativas de diálogo – sem sucesso – com a Reitoria, pedem a saída do Diretor Geral do Campus. • Confira a nota.

.

NOTA

.

Os servidores de Itabaiana decidiram através de assembleia municipal coordenada pela direção estadual pelo SINTEFPB, no último dia 15 março, por unanimidade dos presentes, efetuar um abaixo-assinado solicitando a Reitoria a saída dos Diretores administrativo e Geral do Campus. Nesta assembleia, foram discutidas as condições de trabalho no campus e no anexo (prédio da prefeitura) onde funcionam duas salas de aulas.

Os servidores informaram que apesar das tentativas de diálogo e solicitação de melhorias (devido a existência de condições insalubres e falta de uma sala para os técnicos trabalharem) para a direção geral não foram atendidos. Outro assunto da pauta, foram as discussões sobre assédio moral, onde foram relatadas situações funcionais, que a princípio, estariam coadunadas com este tipo de prática. Cumpre salientar que dos 25 servidores em efetivo exercício no Campus, 22 assinaram o abaixo-assinado, incluindo aí, todos os professores e coordenação pedagógica (que pediram exoneração das funções ocupadas em caráter irrevogável) a saber: Diretor de Ensino, Coordenação Pedagógica, Coordenador do Curso de Automação Industrial, Coordenação do Curso de Eletromecânica e Coordenação de Pesquisa, Extensão e Cultura, a partir do dia 29/03/2018, tal fato, só reforça a absoluta ilegitimidade da Direção Geral perante aos servidores, visto que os próprios ocupantes dos retrocitados cargos de Gestão, ratificam o posicionamento da Categoria.

Assim, os servidores requerem a IMEDIATA EXONERAÇÃO dos Diretores que não são efetivos do campus (direção geral e administrativa) visto a progressiva deterioração das relações entre estes e os servidores, além disso, a classe requer que todos os Diretores sejam efetivos do Campus, pois considera, que após 03 anos de implantação do Campus¸ não se faz necessária a ocupação de tais funções por servidores oriundos de outros campi, através de um processo de consulta a comunidade acadêmica. Um nova assembleia será realizada no dia 3 de Abril de 2018.
.
.
.

O abaixo – assinado foi protocolado na Reitoria no dia 26 de Março de 2018 , conforme imagem a seguir:
.

.

.

Conforme solicitado, o SINTEFPB está divulgando as informações acima para conhecimento de todos(as) através de seus meios de comunicação: site, redes sociais, mala direta e whatsapp.

 

 

 

Deixe um Comentário