(83) 3221-0160 / 9316-8181 - Av. Primeiro de Maio 720, Jaguaribe - João Pessoa-PB
twitterfacebookgoogleyoutuberss

CAMPANHA “Candidato(a), eu quero meus direitos”

As notícias nesta página estão organizadas por data. Iniciando pelas notícias mais recentes. 


25 de Abril de 2018

CLIQUE ABAIXO PARA LER O POSICIONAMENTO DA CANDIDATA VÂNIA SOBRE A NOSSA PAUTA DE REIVINDICAÇÕES:

RESPOSTA – Candidata Vânia

.


.

23 de Abril


CLIQUE ABAIXO PARA LER O POSICIONAMENTO DO CANDIDATO CÍCERO NICÁCIO SOBRE A NOSSA PAUTA DE REIVINDICAÇÕES:

(O ARQUIVO SERÁ BAIXADO AUTOMATICAMENTE)

Resposta – Candidato Nicácio

.


20 de Abril de 2018


Continuação da Campanha “Reitor, quero meus direitos”

(6 de Abril de 2018)

Campanha “Candidato(a), eu quero meus direitos!” é lançada na Plenária Estadual do SINTEFPB

.

Os 3 candidatos à Reitoria do IFPB (Nicácio, Vânia e João Batista) foram ouvidos na Plenária Estadual, que ocorreu no dia 6 de Abril no Sintespb, todos os 3 tiveram 10 minutos de fala, onde puderam colocar pontos de sua candidatura diante de representantes de 11 campi do IFPB.

Provocados a responder nossa pauta de reivindicações e nos encaminhar para divulgarmos em nosso site e redes sociais para apreciação dos(as) nossos(as) filiados(as) e demais servidores, todos os 3 candidatos afirmaram que iriam ler e responder as questões.

.

Aguardamos o posicionamento dos 3 para que em breve possamos divulgar qual será a conduta deles diante dos pontos que levantamos, caso seja eleito(a) reitor(a) do IFPB.

.

.

.Material da campanha:


.

Material da Campanha e informações por: Carolina Lopes  – Assessora de Comunicação do SINTEFPB  |  Charge: Lattuf 2018 

 


(Março de 2018)

Campanha “Reitor, quero meus direitos!” inicia um novo tempo no SINTEFPB!

.

Após 13 assembleias em diversos campi e 1 plenária estadual, a nova gestão do SINTEFPB, Lutar para Mudar, fez um apanhado de reivindicações e as separou em 5 diretrizes:
.
– Direitos Trabalhistas
– Direitos Democráticos
– Combate ao assédio moral e sexual
– Transparência na Gestão
– Políticas Educacionais
.
Confira o material da campanha:
.
.

.

.


Material Campanha 01: Mário Júnior  – Jornalista do SINASEFE  |  Charge: Lattuf 2018
.
.
.
.
.
APÓS INICIARMOS A CAMPANHA, O SINDICATO SOLICITOU UMA AUDIÊNCIA COM O REITOR, QUE FOI REALIZADA NO DIA 13 D MARÇO.
.
 
.
A audiência entre o SINTEFPB e a Gestão do IFPB debateu assuntos de interesse coletivo, tendo como base as solicitações ouvidas em diversos campi e trazidas pelo sindicato para serem discutidas.
.
.
Confira alguns registros feitos na audiência:
.

.

Foram apresentadas as demandas organizadas como mostra o material acima, em cinco diretrizes. 

Entre garantias e impasses, que precisam ser tratados com vigilância e nossa mobilização  –  teremos os seguintes encaminhamentos: a) o sindicato apresentará à Reitoria o universo dos IFs que pagam o auxílio transporte e a devida base legal para que o IFPB possa garantir o mesmo benefício para os servidores e servidoras da nossa instituição; b) convocação da comissão de regulamentação da jornada de 30h para os técnicos-administrativos para a finalização do trabalho e o encaminhamento de resolução sobre o assunto ao Conselho Superior; c) compromisso da reitoria em regularizar a concessão de periculosidade e insalubridade até junho em todo o Instituto; d) formação de uma comissão para produzir os editais para as eleições da CIS, CPPD e ouvidoria; e) apresentação, pelo Sindicato, de uma minuta de resolução para a regulamentação das eleições de coordenadores e coordenadoras de cursos, áreas e afins em todo o Instituto.

Nos pontos referentes às políticas educacionais, a Reitoria informou que não participará mais de qualquer iniciativa do Ministério da Educação que resultem em tentativa de implantar o Novo Ensino Médio na Rede Federal de Educação Profissional. Por fim, demos tratamento aos Mapas de Atividades e a resolução sobre as Diretrizes para a Carga Horária Docente. A reitoria insiste na manutenção do preenchimento dos mapas, ainda que sob a vigência da resolução aprovada em 2010. Insistimos e mantemos nossa convicção de que deve ser suspenso o preenchimento dos mapas até que nova resolução – que defenda a autonomia do IFPB e a indissociabilidade entre ensino, pesquisa e extensão – seja aprovada. Por fim, formamos uma comissão de negociação para garantir o encaminhamento dos pontos acertados e o recebimento de situações que vierem dos campi como casos de assédio e problemas envolvendo as condições de trabalho.

 .

.


Postado por
Carolina Lopes
ASCOM SINTEFPB

Fotos postadas em grupo do whatsapp – autoria desconhecida. Favor informar a autoria das fotos para que possamos fazer a devida referência.
.