(83) 9.8151-9357 - sintefpb@sintefpb.org.br / Av. Primeiro de Maio 720, Jaguaribe - João Pessoa-PB
twitterfacebookyoutube

Não aceitaremos intimidação: solidariedade do SINASEFE à Rafaela Florêncio!

Não aceitaremos intimidação: solidariedade do SINASEFE à Rafaela Florêncio!

Sem nenhum pudor, o bolsonarista Arthur Lira (PP-AL) passou a agir contra os servidores públicos que estão na luta em Brasília-DF contra Reforma Administrativa (PEC 32/2020) da forma como o manual do bolsonarismo ensina: com intimidação e ameaça.

 

Rafaela Florêncio (diretora do Sindsifce), recebeu uma Notificação Extrajudicial, emitida pela Procuradoria Parlamentar da Câmara dos Deputados, por simplesmente ter questionado o Presidente da Casa (Lira) durante um coletiva de imprensa sobre os impactos negativos da PEC 32/2020 nos serviços públicos, no dia 29/09. Relembre a situação assistindo o vídeo abaixo:

 

 

Em um trecho da Notificação Extrajudicial, lê-se: “Por fim, caso Vossa Senhoria a esta Casa retorne, concitamo-la veementemente a manter o incondicional respeito às autoridades constituídas, sob pena de ser compelida a se retirar do Parlamento ou, a depender dos atos que vierem a ser cometidos, ser encaminhada à autoridade policial para registro de boletim de ocorrência”, expondo o caráter intimidatório do documento.

 

O que Lira não contava é que os servidores públicos não vão se intimidar! Não há nenhum crime no vídeo gravado por Rafaela e exibido pelo SINASEFE. O deputado provoca a servidora sobre a PEC 32/2020 e ela prontamente o responde, expondo a falta de conhecimento do deputado sobre o projeto e evidenciando que ele ataca sim direitos dos atuais servidores.

 

Rafaela apenas deu voz ao que o SINASEFE, o Fonasefe e todas as demais entidades do funcionalismo público estão denunciando: a Reforma Administrativa é ruim para o país, ruim para os servidores e ruim para a população.

 

E nós daremos voz novamente à Rafaela na próxima terça-feira (12/10), quando faremos uma live, a partir das 18 horas, com a presença dela para debater essa tentativa de intimidação do Presidente da Câmara dos Deputados. Em breve divulgaremos uma matéria específica da live aqui em nosso portal!

 

Solidariedade à Rafaela

 

Em ato que ocorreu na tarde de hoje (06/10), em frente ao Ministério da Educação (MEC), David Lobão (coordenador geral do SINASEFE), prestou solidariedade à Rafaella, repudiou a tentativa de intimidação da Câmara dos Deputados e informou as medidas que serão tomadas pelo sindicato na defesa da servidora e do direito constitucional de liberdade de expressão e manifestação.

 

“Nós do SINASEFE vamos fazer toda defesa da companheira, deixando claro que essa luta é nossa (…) ao senhor Arthur Lira, um recado: nós não vamos nos intimidar, essa ação judicial não nos retirará da luta”, informou Lobão. Assista a declaração na íntegra no vídeo abaixo:

 

 

O SINASEFE, então, reafirma que esse ataque de Arthur Lira, utilizando a estrutura da Câmara em seu favor para intimidar uma servidora pública, não será visto como um ataque individualizado à Rafaela, mas como um ataque a todos os servidores.

 

A Reforma Administrativa será sepultada e a Arthur Lira só caberá o papel de coveiro da PEC 32/2020.

 

Download

 

Baixe aqui a Notificação da Procuradoria Parlamentar da Câmara dos Deputados contra a servidora do IFCE Rafaella Florêncio em sua integralidade (formato PDF).

 

Conteúdo relacionado

 

 

 

Deixe um Comentário